Segunda-feira 04/07

Chefe mata funcionário por divergência sobre horário de café em São Leopoldo

7 de junho de 2022
Compartilhe

Uma divergência sobre o horário do café em uma indústria de revestimento de alumínio, em São Leopoldo, terminou em tragédia na manhã de segunda-feira. Um dos funcionários foi morto após se desentender com o chefe do setor.

Ambos teriam brigado pelo mesmo motivo na semana passada, quando o superior estabeleceu um período para o café, que teria sido descumprido pelo funcionário, de acordo com a Polícia Civil. O funcionário foi ferido no tórax com um objeto perfurante. Ele foi conduzido ao Hospital da Unimed de São Leopoldo, mas teve uma parada cardíaca e morreu.

A vítima trabalhava na empresa havia três anos e não tinha antecedentes criminais. O suspeito, de 54 anos, estava na indústria há 20 anos, e tinha uma ameaça nos antecedentes criminais.

De acordo com o titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de São Leopoldo, delegado André Serrão, o crime aconteceu por volta das 8h45min, quando a polícia foi acionada. Segundo Serrão, o funcionário foi tomar café fora do horário estipulado e o chefe foi atrás. “O funcionário sai para tomar café e o chefe o segue. Depois, ele vai até o banheiro, lava a arma e sai. O pessoal custou a entender o que estava acontecendo, pois tinha muito barulho e todos estavam usando equipamento de proteção individual. Eles demoraram um tempo para ver que o colega estava ferido pelo supervisor”, relatou.

O suspeito do crime não foi encontrado. O objeto encontrado na bancada foi encaminhado para o Instituto Geral de Perícias do Rio Grande do Sul (IGP-RS). Após o crime, o suspeito saiu a pé e segue foragido.

Fonte: Correio do Povo

 

voltar
© Copyright Todos os direitos reservados.
error: IMPORTANTE: Não autorizamos a reprodução de conteúdo em outros sites, portais ou em mídia impressa, salvo sob autorização expressa.